benza

Azedeira!, flor vermelhada
vivaz, vivaz
persistência terrárea

Nesse barro ainda dá pé
plantação de infância suja
à calçar melão de bucha

Não é de bênção
a canção – é benzedeira
de cascar, trepação e
aroeira.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s